Brasília-DF,
01/OUT/2020

Continuando a série de terror, 'O grito' volta assustador 11 anos depois

O longa é o quarto da franquia que surgiu do reboot do filme japonês homônimo

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:14/02/2020 06:04Atualização:13/02/2020 22:30
O grito, de 2020, debruça-se sobre os mesmos fatos do primeiro filme, mas sob outras narrativas
 (Sony/Divulgação)
O grito, de 2020, debruça-se sobre os mesmos fatos do primeiro filme, mas sob outras narrativas
Dirigido por Nicolas Pesce, O Grito, que chegou na quinta-feira (13/2) às telonas, é um reboot do filme norte-americano de terror lançado em 2004, e que, por sua vez, era um remake do original japonês Ju-On, de 2002, ambos dirigidos por Takashi Shimizu.
 
Confira as sessões disponíveis do filme

O filme de 2004 teve duas continuações e este novo chega como um quarto elemento, ao costurar fatos do primeiro filme pela perspectiva de outros personagens. Contando mais uma vez com o consagrado Sam Raimi (The evil dead) na produção, a estreia possui Andrea Riseborough, Demián Bichir, William Sadler, John Cho e Jacki no elenco.
 
 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES