Brasília-DF,
18/SET/2021

Usado em pratos asiáticos, açafrão se destaca por realçar os sabores

No restaurante San Francisco a casa utiliza o ingrediente na cauda de lagosta

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira Rebeca Oliveira Publicação:21/03/2014 06:03Atualização:20/03/2014 11:02

Açafrão não apaga o sabor delicado da lagosta nem o cítrico do abacaxi
 (Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press)
Açafrão não apaga o sabor delicado da lagosta nem o cítrico do abacaxi

O baiano Marlan Couto, chef do restaurante San Francisco, tem relação antiga com especiarias. Em sua terra natal, é comum o uso de coentro, cominho, açafrão e pimenta, o que demonstra que os sabores asiáticos já se disseminaram mundo afora. No entanto, ao conduzir as receitas do restaurante brasiliense, Marlan não abre mão da parcimônia.

A cauda de lagosta, por exemplo, é temperada com um molho agridoce feito com abacaxi e açafrão. O prato vai à mesa com arroz no caldo do fruto do mar e sai a R$ 95. Na taça, o espumante gaúcho Don Guerino brut (R$ 69,90) é boa pedida graças ao aroma de frutas tropicais.

Originário do Afeganistão, o açafrão é um dos corantes naturais mais conhecidos desde os tempos antigos. No San Francisco, está presente também no risoto que acompanha o tornedor ao molho de cerveja escura (R$ 65). “Uso o açafrão original, retirado do estigma da flor e não da raiz — como é produzida a cúrcuma ou açafrão-da-terra. Ele colore o prato, mas não interfere no sabor delicado da lagosta nem no cítrico do abacaxi”, comenta o chef.

Saiba onde encontrar

San Francisco
(CLSW 103, Bloco B, lojas 8 a 12; telefone 3051-1213), aberto de segunda a sábado, das 12h às 15h, e das 19h à 0h; e domingo, das 12h às 16h.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK