Brasília-DF,
21/MAR/2019

Conheça o famoso macarrão feito a partir do arroz

O bifum apesar de fazer parte da culinária oriental, também enriquece o prato dos brasileiros

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:11/09/2015 06:00Atualização:11/09/2015 16:26

 (Daniel Ferreira/CB/D.A Press)
 

O arroz é uma das matérias-primas mais exploradas na Ásia. Conta-se que, em países como o Japão e a China, por exemplo,

ele seja consumido há pelo menos 10 mil anos. Não à toa, o grão serve como insumo a toda sorte de receitas, muito além de consumi-lo apenas no sushi ou no famoso arroz colorido.

O bifum é item comum na cultura oriental. O macarrão fininho que fica quase transparente quando cozido é feito à base de arroz. Delicado, é servido no restaurante A Tribo com shitake, legumes e um toque de alga hijiki diariamente no bufê da casa, a R$ 55,90 o quilo.
“Tudo é temperado com gergelim, alho e molho shoyu. Como o bifum é frágil, costumo servi-lo já frio, porque, se cozinhá-lo demais, ele acaba desmanchando”, explica a proprietária Natasha Franco, sul-africana que vive em Brasília há 15 anos.

O arroz-negro é outra opção diária do bufê, servido junto a uma salada com o ingrediente mais cebola dourada, castanha-do-Brasil e legumes como cenoura e pimentão. “Na medicina chinesa, costuma-se recomendar o consumo de alimentos negros para fortalecer os rins e o arroz-negro está no topo dessa lista”, ensina.

“Na Tailândia,no Japão e na Índia,há muitos pratos diferentes com arroz. Aqui, no Brasil, ele ainda é visto como um acompanhamento, como se fosse algo sem gosto e apenas para comer com feijão. Temos que desmistificar essa ideia” Natasha Franco, proprietária do restaurante A tribo.

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK