Brasília-DF,
10/DEZ/2018

Para combinar com o frio, que tal um bom vinho?

Vinhos harmonizam com diferentes opções de pratos e petiscos, e são uma ótima opção para o frio

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:20/07/2018 06:03Atualização:19/07/2018 19:22
Especialistas dizem que os tintos são os mais indicados com carnes, massas, fondues, pizzas, risotos e sopas (Daniel Ferreira/CB/D.A Press)
Especialistas dizem que os tintos são os mais indicados com carnes, massas, fondues, pizzas, risotos e sopas

 

Vinho, a bebida da estação!


Frio combina com vinho. E o inverno pede um bom vinho, seja tinto, seja branco. Especialistas dizem que os tintos são os mais indicados com carnes, massas, fondues, pizzas, risotos e sopas, pratos quentes de maneira geral. Mas isso não quer dizer que você tenha de deixar os rótulos brancos de lado. Confira algumas opções de ambientes aconchegantes —  e com uma adega de respeito —  para se esquentar.

IVV Swine Bar

Para os amantes de uma boa carne de porco e uma bela taça de vinho, o IVV Swine Bar (314 Norte, Bl. B, lj. 21; 3034-3471) é especializado em ambos. A casa proporciona aos clientes uma experiência de qualidade, com um sommelier que cria o menu e a harmonização. O prato indicado é o queridinho da casa, as medjool assadas (R$ 20), tâmaras recheadas com gorgonzola envoltas em bacon, acompanhadas com um Cabernet Sauvignon da vinícola brasileira Aracuri (R$ 20, a taça, e R$ 123, a garrafa). A casa funciona de terça a quarta das 18h às 23h e de quinta a sábado das 18h à 0h.

World wine bar


O World wine bar (410 Sul Bl. C lj. 34; 3526-6168) é uma extensão da loja de mesmo nome, um dos maiores portais de importação de vinhos do país. É possível escolher o vinho de sua preferência entre mais de 400 opções, tanto no bar quanto na loja. Você pode aproveitar a famosa meat pizza (R$ 49 — foto) da casa e combiná-la ao vinho toscano tinto Chianti Superiore (R$ 160). Para quem deseja conferir, o World wine bar funciona de terça a sábado, das 18h à 0h.

Domaine


O Domaine bar au vin (104 Sul, Bl. A, lj. 23; 3321-1120) vai além de ser apenas uma adega, o lugar trabalha como bar au vin desde o ano passado, com um espaço confortável para quem quer aproveitar bons vinhos. A dica é apostar no risoto de filé-mignon com cenoura e cogumelo paris (R$ 36 ). Para beber, o tinto argentino de uva malbec La Espera (R$ 160), da vinícola Funckenhausen. A casa fica aberta de segunda a sábado, das 18h às 23h30.

Nola  Gastrobar


Os gastrobares se diferem de outros estabelecimentos por serem bares que oferecem comida de restaurante a preços não muito caros. O Nola Gastrobar (408 Norte, Bl. A, lj 26; 99142-8962) tem o nome e o cardápio inspirados na cidade de Nova Orleans (EUA). As roast strips angus são um dos destaques do menu. Tratam-se de tiras de costela com uma farofa especial da casa e redução de balsâmico (R$ 35,90) e o vinho chileno Don Clemente (R$ 62) é um ótimo acompanhante do preparo. O Nola funciona de terça a quinta, das 18h às 0h, e sexta e sábado, das 18h às 2h.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK