Brasília-DF,
19/NOV/2018

A saborosa Caldeirada do Cerrado leva peixes e legumes; aprenda a receita

Francisco Ansiliero ensinou a receita da Caldeirada do Cerrada no 30º Congresso Nacional da Abrasel

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Renata Rios Publicação:24/08/2018 06:01Atualização:23/08/2018 18:02
Francisco aposta no sabor do cerrado (Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Francisco aposta no sabor do cerrado

O cerrado é um mar de possibilidades gastronômicas. Cada vez mais os chefs se aventuram pelos ingredientes dessa região e nos surpreendem com os resultados. Um pioneiro nessa busca pelo sabor é Francisco Ansiliero. 
 
Quem visitou o 30º Congresso Nacional da Abrasel teve a oportunidade de aprender o passo a passo da Caldeirada do Cerrado com o mestre, que foi convidado para apresentar uma aula-show no evento. Para quem não teve essa sorte ou quer reviver os ensinamentos, Francisco reforça que essa é uma receita versátil: “Você pode colocar outros legumes, por exemplo, usar outro peixe. O importante é ficar bonito, cheiroso e saboroso”.

RECEITA


Caldeirada do Cerrado
Ingredientes:
l 600g de surubim seco e defumado
l 300g de batata-doce rosa do cerrado
l  200g de mangarito
l  200g de quiabo
l  200g de maxixe
l  200g de jiló
l  150g de polpa fresca de cajuzinho do cerrado
l  100g de polpa de pequi
l  70g de polpa de buriti
l  30g de pimenta dedo-de-moça picada
l  30g de pimenta-de-cheiro picada
l  2l de caldo de peixe
l  1l de tucupi concentrado do Pará
l  100ml de óleo de buriti
l  60ml de óleo de castanha-do-brasil
l  60ml de óleo de pequi
l  Creme de alho, creme de cebola e sal a gosto

Modo de preparo


Corte os peixes em pedaços de 50g. Corte os legumes e grelhe, sem deixar queimar, em chapa ou frigideira quente sem gordura. Ferva a polpa de buriti, em água ou no caldo do peixe, para se reidratar. Faça o fundo da panela com os óleos de buriti, de pequi e de castanha-do-brasil. Aqueça. Acrescente o creme de cebola, o creme de alho e, quando começar a dourar, acrescente as pimentas. Adicione o caldo de peixe, o tucupi e a polpa de cajuzinho do cerrado e de pequi. Reduza até a metade do volume inicial. Coloque o peixe e cozinhe, até ficar macio, sem desmanchar. Retire o peixe com cuidado e reserve. Adicione os legumes e cozinhe, para que peguem o sabor do caldo, até que fiquem al dente. Ajuste o sal do caldo. Organize a panela, dividindo o preparo, imaginariamente, em oito partes. Cada ingrediente ficará em uma parte, inclusive o peixe, que deverá retornar à panela. Deixe o centro vazio, para que se possa retirar o caldo. Sirva em um prato fundo, com o auxílio de uma espátula pequena de ponta. Disponha uma parte de cada ingrediente com uma colher de caldo sobre eles. 

Tags: gastronomia

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK