Brasília-DF,
28/FEV/2020

Menus executivos de restaurantes agradam quem busca por agilidade e qualidade

Os menus executivos são uma mão na roda para quem quer pratos gostosos, diferentes e mais em conta

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Renata Rios João Paulo Zanatto* Maria Baqui* Publicação:14/02/2020 06:00Atualização:13/02/2020 22:22
Comer bem, rápido e por um preço justo nem sempre é uma tarefa fácil. Entre as formas de alcançar esse objetivo está o menu executivo, aposta certeira em diversas casas da capital. Cada vez mais conscientes da necessidade de trazer a agilidade agregada à qualidade, vários restaurantes trabalham com a proposta e oferecem desde clássicos a receitas inusitadas e originais.

Entre os clássicos, o Rio Bistrô entrega no nome a inspiração. Em um menu cheio de opções, que se alteram entre os dias, o tradicionalíssimo picadinho carioca não poderia estar de fora. Na casa, é um queridinho dos clientes, que recebem a receita acompanhada de arroz, farofa com ovos e banana crocante.

Quem busca um ambiente refinado e um menu criativo pode aproveitar o recém-aberto Aroma, do chef Ronny Peterson. No local, o profissional tem a oportunidade de elaborar o cardápio com sua assinatura, repleta de ousadia e elegância. O menu da casa será mensal, e cada um deles traz a inspiração de um lugar diferente.

Entre os consagrados na capital, é difícil falar dos executivos e não citar o Cantucci Bistrô. O local agrega preparos acessíveis com ingredientes refinados, como o bacalhau e o camarão. “O menu executivo me permite aproveitar a sazonalidade”, explica Rodrigo Melo, chef da casa.

O Fogo de Chão trabalha com o Fogo gourmet uma alternativa aos que procuram um almoço rápido e sem fugir da dieta. “Temos um bufê muito variado e com muita qualidade”, ressalta Alberto Wachholz, diretor de operações no Brasil da Fogo de Chão.

*Estagiários sob supervisão de Igor Silveira 

Da brasa para o prato


O restaurante Dom Francisco, do Pátio Brasil, oferece boas opções de pratos executivos (R$ 59,90) para quem precisa almoçar, com rapidez e com preço acessível, nos dias da semana. Eles são preparados na brasa. Por isso, as carnes levam sal grosso e, por sua vez, o bacalhau é apenas regado ao azeite. “O sabor das refeições do restaurante é marcante. São todos enigmáticos e, além disso, extremamente saborosos”, disse o sommelier do local, Gilberto Lima.

Começando os trabalhos, o local oferece, à vontade, saladas, frios, queijos variados e uma porção de risoto funghi como cortesia. Em seguida, é servido um bolinho de bacalhau com receita original da casa. Para o prato principal são, no total, cinco opções que participam do cardápio executivo. Acompanhado de arroz com brócolis, o bacalhau à portuguesa é um dos pratos mais bem avaliados pelo público. Além desse, o carro-chefe da casa é a costela de tambaqui guarnecido de arroz com alho. Outra opção de peixe é o salmão na brasa servido com risoto ao perfume de limão-siciliano.

Para quem prefere cortes de carne, há a possibilidade de pedir filé à parmegiana, com arroz branco e batatas fritas ou, também, chorizo angus preparado com farofa de ovos. No combinado executivo, a sobremesa, escolhida pelo chef a cada dia da semana, faz parte do menu.

A casa oferece mimos para cativar a freguesia (Dom Francisco/Divulgação)
A casa oferece mimos para cativar a freguesia

Tradicional que surpreende


Para os amantes de pratos tradicionais, o restaurante Rio Bistrô oferece, durante os dias da semana, na hora do almoço, receitas variadas, com preços especiais. Nas terças-feiras, quem vai ao local pode saborear uma receita do clássico picadinho carioca executivo (R$ 47). A opção vem acompanhada de arroz, farofa de ovos e uma deliciosa banana crocante.

Além dessa opção, outra possibilidade, para o almoço, pelo mesmo preço, é uma apetitosa massa penne fresca, ao molho “delícia”, com camarões flambados. Ou, também um suculento filé ao molho cheddar, com cebola caramelizada por cima e batata rostie para acompanhar. Como preferência do bistrô, em cada semana, o cardápio é alterado. Dessa forma, há maior variedade que agrade o paladar do cliente.

Os pratos do menu econômico têm sobremesa incluída. Para complementar o picadinho, por exemplo, a torta de limão com receita própria é a queridinha dos clientes.

Segundo o chef e proprietário, Frederico Bastos, “o diferencial do Rio Bistrô é elaborar pratos atrativos e saborosos, com alta qualidade.” Além disso, ele comenta sobre o extenso leque de opções executivas, visto que são pelo menos duas opções, para cada dia da semana. “Temos grande variedade dos pratos executivos e todos com preço justo”, comenta.

Picadinho carioca, com arroz branco, farofa com ovos e banana crocante do restaurante Rio Bistrô (Rio Bistrô/Divulgação)
Picadinho carioca, com arroz branco, farofa com ovos e banana crocante do restaurante Rio Bistrô

Churrascaria rápida


Quando se pensa em churrascaria, o rodízio de diversos cortes de carne e a fartura são as primeiras coisas que pensamos, mas, toda essa fartura nem sempre combina com um almoço rápido seguido de uma tarde de trabalho. Pensando nesse público, a Fogo de Chão criou o Fogo Gourmet, um modelo de menu executivo que explora o bufê da casa. “Esse foi um projeto de 2017, começamos a divulgar nossa mesa de saladas”, conta Alberto Wachholz, diretor de operações no Brasil da Fogo de Chão.

No bufê, o que não falta é variedade. Queijos, saladas e até pratos quentes chamam a atenção e acompanham com maestria as proteínas ofertadas no local. “A partir de R$ 54,90, o cliente tem acesso a esse formato. Ele ainda pode escolher acrescentar alguma das proteínas da casa para complementar a refeição”, sugere.

Entre os destaques do bufê, Wachholz cita o salmão defumado e os aspargos, entre os pratos frios, além do arroz biro-biro e o feijão, nos quentes. Entre as proteínas que podem ser adicionadas, o diretor sugere a fraldinha. “Uma carne suculenta e saborosa”, descreve.

O Fogo Gourmet: para quem quer uma refeição mais rápida (Fogo de Chão/Divulgação)
O Fogo Gourmet: para quem quer uma refeição mais rápida

Un, deux, trois


Entrada, prato principal e sobremesa, essas são as famosas três etapas que constituem um bom almoço ao redor do globo. No Le Parisien Bistrot, o cardápio satisfaz bem a clientela que busca o tradicional.

A entrada com o prato principal sai por R$ 49. Com sobremesa, R$ 54. Entre as entradas é possível optar pela salada do dia, uma vichyssoise — sopa de alho-poró servida com vegetais crocantes — ou coxinhas de boeuf bourguignon. Já para o prato principal, são quatro opções: linguine de boeuf bourguignon, moelleux de acém, uma tilápia em papilote ou um delicioso nhoque de cenoura. Fechando o ritual, um mousse de chocolate ou uma minicocada.

Com o intuito de evitar que a clientela se atrase para retornar ao trabalho ou outro compromisso, o estabelecimento optou pelos cardápios de almoço e jantar serem diferentes, com pratos de preparos mais rápidos sendo servidos no almoço. “Os pratos do jantar são mais detalhados e difíceis de montar. Para evitar esse desconforto de atrasar o cliente, não servimos o cardápio de jantar. Queremos que quando o cliente chegue e peça a entrada, prato principal e sobremesa, que aproveite tudo em 40 minutos”, aponta Leandro Nunes, chef do restaurante.

O nhoque de cenoura atende ao público vegano (Vinicius Cardoso Vieira/CB/D.A Press)
O nhoque de cenoura atende ao público vegano

Um pouco da Itália em Brasília


Com uma opção de cardápio chamada Mezzogiorno, o restaurante italiano Gero Brasília, localizado no shopping Iguatemi, oferece uma “verdadeira experiência gastronômica”, com pratos executivos especialmente elaborados para cada dia da semana. Para os clientes que, durante a semana, precisam almoçar rápido e que, por sua vez, procuram um prato com valor mais acessível, o menu dispõe de duas opções de entrada, três de prato principal e duas outras de sobremesa, tudo por R$ 89.

A opção de prato executivo, para as quintas-feiras, por exemplo, oferece, como entrada, uma polenta com cogumelos acompanhada de uma refrescante salada feita à base de tomates, muçarela de búfala, azeitonas pretas, azeite extravirgem e manjericão. Para o prato principal, o comensal escolhe entre raviolini de abóbora preparado na manteiga, com amêndoas; o medalhão de frango e ricota, espinafre e capota de legumes; ou, por fim, o polpetone suíno com recheio de gorgonzola ao molho de tomate, cebola, guanciale e legumes grelhados. Para a sobremesa, um mousse de chocolate com castanhas-de-caju ou sorvete da casa.

Brasato de costela com fettuccine ao molho de manteiga e sálvia
 (Rafael Lobo/Divulgação)
Brasato de costela com fettuccine ao molho de manteiga e sálvia

Fome do cão!


Na famosa rua dos restaurantes do Plano Piloto, a diversidade é enorme. Entretanto, o restaurante Cão Véio se destaca, não só pelo estilo rock’n’roll, mas, também, pelo menu executivo na hora do almoço.

São oito opções de pratos executivos, sendo seis fixos e dois que variam. Entre eles, se destaca a Costela do Cão (R$ 44), uma costelinha suína marinada na cachaça e mel, assada lentamente, acompanhada de farofa de milho, rúcula, tomate-pera confitado e mandioca cremosa. Outro que chama a atenção é o Cupim do Cão (R$ 39), um cupim assado salteado na manteiga de garrafa. Acompanha o prato uma farofa picante de banana e mandioca cremosa.

“É um menu que agrada o pessoal. Com entrada e sobremesa (por mais R$ 9), é uma refeição completa”, aponta Guilherme Lavoratti, um dos sócios do restaurante, que ainda destaca o ponto privilegiado em que o estabelecimento está localizado. “Nós estamos na rua dos restaurantes, onde tem muito movimento e é perto de vários locais de trabalho, ou seja, tem uma pedida por refeições mais rápidas”.

A costelinha suína chama a atenção no menu do Cão Véio (Danilo Borges/Divulgação)
A costelinha suína chama a atenção no menu do Cão Véio

Preço justo e qualidade


Consagrado pelo preço justo e a gastronomia de qualidade, o Cantucci Bistrô é uma das casas que surpreende os comensais com o menu executivo (R$ 36). Servido de segunda a sexta, cada dia com três alternativas, a aposta do chef Rodrigo Melo é usar desse modelo para facilitar a logística da cozinha e oferecer um almoço de qualidade, preço justo e rápido. “Devido à quantidade de alternativas, a cozinha fica mais ágil, e conseguimos entregar o produto em cerca de 10, 15 minutos”, conta, orgulhoso.

Entre as alternativas que não podem faltar no almoço da casa, Rodrigo destaca o Filé Wellington, servido às quartas, e a feijoada. “Esses são dois campeões de venda. Se eles não estão no menu, os clientes me chamam à mesa e pedem para voltar”, relata. Mas, além dessas opções que conquistaram o coração do cliente, Rodrigo troca o menu mensalmente e explica: “A variedade é muito importante. Estamos em uma região central, temos um público muito frequente. É importante para esse público ter renovação, além de ser um prazer trazer receitas novas todo mês, é algo de que gosto muito”.

Outro cuidado do chef é com o público vegetariano, atualmente responsável por 12% das vendas da casa. ‘É um público que cresce a cada dia”, confirma. Para quem não come a proteína animal, mas se interessou por alguma das receitas do cardápio, Rodrigo conta que é possível substituir o ingrediente animal por um medalhão de lentilha com ervilha. Em fevereiro, ainda vale conferir a quiche de ricota temperada com damasco e nozes, acompanhada de salada caprese.

Com alternativas para todos os gostos, o Cantucci conta com uma clientela fiel (Ana Rayssa/CB/D.A Press
)
Com alternativas para todos os gostos, o Cantucci conta com uma clientela fiel

Novidade delícia


Recém-inaugurado na cidade, o Aroma é uma das casas que promete oferecer qualidade e criatividade aos clientes. Com decoração elegante, o espaço se diferencia pelo ótimo atendimento, as belíssimas louças, um menu criativo e delicioso e claro, o chef, Ronny Peterson — que esteve por trás da cozinha do consagradíssimo Gero. Na nova empreitada, Ronny aposta em receitas elegantes e criativas, com um menu de tirar o chapéu. Para os próximos dias, o chef promete novidades no cardápio. “Estou ampliando o menu para a segunda etapa, atualmente já temos pratos que são carros-chefes e não podem faltar”, se orgulha.

Para quem quer conhecer o local, uma das alternativas é apostar no menu executivo, batizado no local de Aroma do dia, servido de segunda a quinta, exceto feriados. Para começar o menu, que sai por R$ 69, trabalha com duas opções. A primeira se trata da salada de folhas baby com pera caramelizada, queijo gorgonzola, castanha-do-brasil e vinagrete. Outra alternativa é a emulsão de baroa com ovo perfeito e crips de parma.

Na sequência, o cliente escolhe entre o Capeletti de muçarela de búfala, o Fettuccine de filé ou o Virado à paulista. “Nossas massas são frescas e artesanais, tudo feito aqui”, revela o chef. Ele ainda explica que, no Virado à paulista, a ideia foi fazer uma releitura da receita clássica. “Usei o filé-mignon suíno, o ovo de codorna frito e a farofa de couscous nesse preparo”, conta. Para fechar com chave de ouro, o Mini brioche vai à mesa embebecido com redução de laranja ao rum, calda de doce de leite, frutas vermelhas e pesto de hortelã. “A ideia é que o menu executivo seja trocado todo mês”, finaliza.

Entre as alternativas do Aroma está o Capeletti de muçarela de búfala, uma opção vegetariana (Ana Rayssa/CB/D.A Press
)
Entre as alternativas do Aroma está o Capeletti de muçarela de búfala, uma opção vegetariana

Em meio a literatura

Quando se fala no Sebinho, logo vem à mente a livraria. Mas isso tem mudado há alguns anos, afinal, a gastronomia do Sebinho Café & Bistrô tem se destacado em meio a literatura que cerca o local.

“Nós temos um cardápio bem variado, e todo dia temos a sugestão do chef, que é o nosso executivo com um precinho mais camarada”, aponta Cida Caldas, a proprietária. “Nós temos dois perfis de clientes: os que frequentam a livraria e veem que está próximo da hora do almoço e acabam ficando; e os clientes externos, que vem somente pro almoço porque já sabem da proposta dos nossos pratos executivos”, ressalta.

De segunda a sexta, um prato diferente a cada dia agrada o paladar dos clientes, em que os preços variam entre R$ 29,90 e R$ 32,90. Segunda é dia de tilápia; na terça, parmegiana; um polpetone recheado faz a alegria das quartas; na quinta, é a vez do contra-filé; e a carne de sol rouba os holofotes na sexta. Mas ainda não acabou, aos sábados quem rouba a cena é uma deliciosa feijoada (R$ 54,90, serve duas pessoas). 

As feijoadas aos sábados fazem a alegria da clientela do Sebinho (Arquivo Pessoal/Sebinho Café)
As feijoadas aos sábados fazem a alegria da clientela do Sebinho

Onde comer


» Aroma (407 Sul, Bl. A, lj. 34/36; 99553-7663), aberto de segunda a quinta, das 12h às 15h e das 19h à 0h; sexta e sábado, das 12h às 17h e das 19h à 0h; domingo, das 12h às 17h.

» Cantucci Bistrô (403 Norte, Bl. E, lj. 3; 3328-5242), aberto segunda, das 12h às 15h; Terça a sábado, das 12h às 15h e das 18h às 23h; domingo, das 12h às 15h30.

» Cão Véio (404 Sul, Bl. C, lj 35; 3257-8455), aberto de terça a sexta, das 12h às 15h e das 18h à 0h; sábado, das 12h às 17h e das 18h à 0h; e domingo, das 12h às 16h30.

» Dom Francisco (SCS, Q. 7, Bl. A, Pátio Brasil; 3322-1071). Aberto de segunda a sábado, das 11h às 22h; domingo e feriados das 12h às 19h30.

» Fogo de Chão (SHS Q. 5, Bl. E; 3322-4666), aberto de segunda a sexta, das 12h às 16h, e das 18h às 23h30; sábado, das 12h às 23h30, e domingo, das 12h às 22h30.

» Gero Brasília (SHIN CA 4, lt. A, Lago Norte, Piso Térreo, Iguatemi Brasília; 3577-5520), aberto de segunda a sexta, das 12h às 15h, e das 19h à 0h; sábado e domingo, das 12h às 17h e das 19h à 1h.

» Le Parisien Bistrot (103 Norte, Bl. B, lj. 2; 3033-8426), aberto de terça a sábado, das 12h às 15h30 e das 18h às 23h; domingo, das 12h às 17h.

» Rio Bistrô e Lounge (404 Sul, Bloco A, loja 27; 3321-1412), aberto na segunda, das 12h às 15h; de terça a quinta, das 12h às 15h, e das 19h às 23h; sexta e sábado, das 12h às 15h, e das 19h à 0h; e domingo, das 12h às 17h. 

» Sebinho Café & Bistrô (406 Norte, Bl. C, lj 44; 3447-4444), aberto de segunda a sexta, das 12h às 23h, e aos sábados, das 8h30 às 23h. 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK