Brasília-DF,
25/JUN/2017

Filme Tristeza e alegria traz traços autobiográficos do diretor

A história gira em torno do assassinato da filha do personagem principal, drama vivido pelo diretor do longa

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:18/09/2015 06:30

O diretor de Tristeza e alegria viveu drama projetado no filme
 (California Filmes/Divulgação)
O diretor de Tristeza e alegria viveu drama projetado no filme

O cineasta johannes (Jakob Cedergren), ao chegar em casa, depara-se com o seguinte fato: a filha de 9 meses fora assassinada pela própria esposa, Signe (Fagralid). Apesar das evidências do crime, Johannes acredita na inocência da mulher e tenta evitar a condenação dela.

Durante as sessões de terapia com o psicólogo Birkemose (Nicolas Bro), Johannes tem flashbacks do começo do relacionamento do casal que revelam a personalidade autodestrutiva de Signe.

Tristeza e alegria é inspirado da vida do próprio diretor Nils Malmros que perdeu a filha de 9 meses. O filme é o candidato dinamarquês ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2015.

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES