Brasília-DF,
22/SET/2021

Chefs inovam com primeira esteira de distribuição de sushis da cidade

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Liana Sabo Publicação:05/12/2014 06:11
Esteira para sushi do restaurante Nazo, no SIG (Felipe Menezes/Divulgação)
Esteira para sushi do restaurante Nazo, no SIG
Exemplo do empreendedorismo jovem, Nicolas Fujimoto aos 27 anos traz para Brasília a primeira esteira de distribuição de sushis da cidade. Ele não está sozinho nesta empreitada. Tem ao lado Milton Santos, de 24, com quem abriu há sete meses o Duoo, na 103 Sul, e mais três sócios - todos com menos de 30 anos: Rafael Lago, Renato Muniz e Tiago Muniz, que já o acompanham no primeiro empreendimento na Asa Norte.

Chama-se Nazo Sushi Bar a nova casa localizada na Quadra 8 do SIG, onde funcionou a Big Boom Festas, ao lado do Primeiro cozinha de bar, numa esquina vizinha ao Sudoeste. Nicolas repete ali o mesmo nome do sushi bar, que abriu ano passado na 214 Norte.

Lá, você poderá escolher entre 48 opções de sushis e sashimis no menu, além de criações diárias do sushiman, o baiano Euler Lima, como o salmão maçaricado com camarão, cream cheese e molho tarô, o tuna niguiri nazo, que é selado no azeite extravirgem, foie gras e molho tarê e outro salmão maçaricado com shimeji.

Menos perda

A esteira rolante já se tornou uma atração da casa. Segundo os proprietários, a grande vantagem é ela "diminuir significativamente o desperdício, pois a pessoa só pega o que vai comer", comenta Rafael Lago. Se comparar com a loja da Asa Norte, a nova casa reduziu em um terço a taxa de perdas que ocorrem no rodízio tradicional, além de ter enxugado o quadro de garçons, calcula Nicolas.

O controle de desperdício é feito pelo sushiman, que regula a circulação do prato (não pode passar de três vezes) na esteira. Nela, são oferecidas somente as preparações frias. Os pratos quentes são escolhidos no cardápio, que traz robatas, harumakis, rolls e yakisoba, o tradicional macarrão com carne ou frango e legumes, campeão absoluto de vendas.

Dois em um

O espaço da antiga casa de festa era tão grande que deu lugar a duas operações. Separado do Nazo por uma imensa adega (1.200 garrafas de 150 rótulos) que aproveita o alto pé direito do prédio, será inaugurado quarta-feira, o Duoo, nos mesmos moldes da matriz, com 105 lugares.

As paredes pintadas de preto trazem frases de estímulo a uma alimentação saudável, que é a proposta da gastronomia funcional defendida pela consultora Lidiane Barbosa. "Tudo o que você precisa é menos” escrita em inglês ("all you need is less"); "coma por nutrientes, não por números" e outros lemas do gênero são um convite à proposta alimentar da casa, que inclui até pizza. Telefone: 3326-1726.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK