Brasília-DF,
18/OUT/2017

Quadrinista e ilustrador Eduardo Belga estrela a Minha Agenda da semana; confira

O artista de 34 anos também é professor de gravura e desenho na UnB

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:20/02/2015 10:46
 (Elio Rizzo/Esp. CB/D.A Press)
Nascido em Brasília, Eduardo Belga tem 34 anos. O quadrinista e ilustrador é também professor de gravura e desenho na UnB, onde serve de mestre para novos artistas. Belga faz parte do ateliê coletivo Sindicato, referência para fãs e criadores de HQs. Em março, o artista deve lançar a história em quadrinhos O lobisomem - a múmia. Belga, que desenha desde cedo, é conhecido por colocar no papel seu fascínio por anatomia e terror. Muito envolvido com o meio artístico, aproveita o fim de semana para se aprimorar nos desenhos e encontrar os amigos.

Sábado

Manhã

Eduardo gosta de ir ao Museu Vivo da Memória Candanga. "Além de ser um lugar bonito e histórico da nossa cidade, lá tem o grupo Gravura em foco, no qual estou gravando e imprimindo minhas gravuras", conta.

Tarde

Quando dá tempo, Belga gosta de fazer uma lanche na tradicional lanchonete Vitamina Central (506 sul), onde costuma pedir a vitamina saborosa, preparada com mamão, abacaxi, banana e suco de laranja. Depois, ele gosta de participar do grupo de estudo com modelos vivos do Instituto de Artes, na UnB. Coordenado pelo artista Daniel Lopes, é uma ótima opção para quem quer trabalhar as técnicas de desenho.

Noite

Belga gosta de frequentar o Barkowski (408 Norte). "Lá tem cerveja gelada, Jack Daniels, gente boa, bêbado chato, ambiente escuro e música pesada", justifica, aos risos.

Domingo

Manhã

"Durmo bastante e visito minha mãe", resume o desenhista. Ele aproveita para colocar o sono em dia e estar com a família.

Tarde

Belga gosta de almoçar na casa de amigos. Um ponto de encontro costuma ser o Brechó & Arte, em Sobradinho. "É um brechó feito com muito cuidado na garagem da casa de amigos", conta.

Noite

Às vezes, o artista gosta de aproveitar o momento para ficar em casa, "lavar roupa, ver filme, ler, dormir". Quando ainda tem pique, marca presença no espaço de arte Sindicato (705 Sul), onde vários amigos expõem trabalhos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]