Brasília-DF,
21/OUT/2017

Coluna Spoiler traz nesta semana entrevista com diretor de Les revenants

Além de bate-papo com Fabrice Gobert, confira mostra quais são as estrelas da tevê que marcarão presença no Brasil

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:15/11/2015 06:00Atualização:13/11/2015 15:56

 (CHARLY TRIBALLEAU)
A série francesa Les revenants ganhou uma segunda temporada, que é exibida no Brasil desde o último dia 2 pelo canal Max. A trama é baseada no filme homônimo e se passa em uma cidade montanhosa que misteriosamente vê os moradores mortos voltarem à vida. A medida que cada um retorna, algo terrível acontece. O seriado é exibido quarta, às 22h.

Na nova temporada, a impressão é que a série inicia a trama do zero. Para falar mais sobre a sequência, o diretor francês Fabrice Gobert respondeu a algumas perguntas da coluna.

Entrevista Fabrice Gobert

 

Depois de três anos, como você encarou a nova temporada de Les revenants?
A primeira decisão foi retomar a história seis meses após o fim da primeira temporada. Demoramos um pouco até nos convencermos totalmente. Aos poucos, encontramos uma maneira de retomar por meio do personagem Berg (Laurent Lucas), o engenheiro que aparece no primeiro episódio e que está tentando entender o que aconteceu. Ele não é da comunidade e está fazendo as suas investigações. Mas, rapidamente, nós percebemos que também tinha coisas a esconder. Ele é uma espécie de guia que faz as mesmas perguntas que o público.

Por que começar a segunda temporada com uma nova premissa?
Uma das nossas referências foi Pânico e todos aqueles filmes de terror em que os personagens sofrem algum tipo de trauma. Quando os problemas começam de novo, eles estão alguns passos à frente das pessoas que estão tendo a experiência pela primeira vez.

A fé ainda é o fio condutor da trama?
Ela é o princípio do sobrenatural como eu o vejo: entrar em um mundo que é inimaginável na vida real, cheio de personagens confrontados com os seus limites em termos de realidade.

A ideia de ambientar a trama em um local que se tornou uma cidade fantasma, isolada pelo Exército, surgiu logo no início?
Eu trabalhei com a Audrey Fouché no roteiro, e nós pensamos muito em cidades que sofreram catástrofes, como Nova Orleans ou Fukushima. A cidade fantasma em Les Revenants tinha que estar em grande parte abandonada,mas também deveria existir alguma vida lá. Os soldados estão lá para dar a ideia de controle. Nós não saímos daquele vale, e não montamos elementos “realistas” como a mídia, porque não é nisso que se baseia o realismo na série.

Como foi o processo de escrever a nova série?
Tudo fluiu a partir de um encontro fabuloso com a roteirista Audrey Fouché, que trabalhou com Tom Fontana em “The Borgias”. Nós escrevemos juntos a história para a temporada inteira. Eu trabalhei com o Emmanuel Carrère e o Fabien Adda nos flashbacks dos 35 anos anteriores. Audrey e eu desenvolvemos mais as sinopses e passamos para o Fabien Adda e a Coline Abert. Eles escreveram versões com diálogos, e aí nós retomamos o trabalho. Cada fase enriqueceu a etapa seguinte. Les Revenants não é uma série simples de escrever por causa da ligação entre o passado e o presente. Às vezes tínhamos ideias enquanto escrevíamos, por exemplo, o episódio 4 que mudariam certos aspectos dos episódios anteriores. Nósbuscávamos coerência.

Estrelas no Brasil

 (Netflix/Divulgacao)

Notícia boa para os fãs de série. A Comic Con Experience, em São Paulo, terá a presença de várias estrelas do mundo dos seriados. O evento, que será de 3 a 6 de dezembro e contará com nomes como Aml Ameen, Jamie Clayton e Alfonso Herrera, de Sense8; Krysten Ritter, de Jessica Jones; e Misha Collins, de Supernatural.

Remake
Finalmente a série Jane the virgin chegou ao Brasil. A primeira temporada estreia em 19 de novembro, no canal Lifetime. A comédia gira em torno de Jane Villanueva (Gina Rodriguez), jovem que é inseminada por engano em uma consulta médica. Lembrou da história? A comédia é inspirada em Juana la virgen, novela mexicana que foi exibida no Brasil pelo SBT como Joana, a virgem. O sitcom será exibido toda quinta, às 22h30.

Renovação
Blindspot, a nova aposta desta estação, garantiu a segunda temporada. A história acompanha uma mulher que aparece desacordada na Times Square, em Nova York. Interpretada por Jaimie Alexandre, a protagonista tem várias tatuagens que estão relacionadas a crimes que precisam ser solucionados pelo FBI.



COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK