Brasília-DF,
20/OUT/2017

Novo conceito de família já era praticado pelas novelas desde 1970

Mães solteiras, pais gays e lésbicas e histórias de adoção além do "pai, mãe e filho". Veja como a tevê já vive o novo conceito de família

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Vinicius Nader Publicação:22/05/2016 06:30Atualização:20/05/2016 16:18

 (Globo/Estevam Avellar)


“Núcleo social de pessoas unidas por laços afetivos, que geralmente compartilham o mesmo espaço e mantêm entre si relação solidária.” A nova definição do dicionário Houaiss para o verbete família fez barulho. “Moderna”, “alternativa” e “estranha” (!) foram adjetivos que ouvi por aí para defini-la. Para definir o que a tevê já tem mostrado, por sinal.


As novas formações familiares pulam na telinha desde Malu mulher, quando uma destemida (ops!) Regina Duarte criava a filha desquitada (palavrão na década de 1970). Mais atualmente, em Amor à vida (2013), uma inseminação artificial possibilitou que o personagem gay Niko (Thiago Fragoso) tivesse um filho. Ano passado, Babilônia deu um show familiar ao mostrar, no primeiro capítulo, um núcleo familiar formado pelas mães Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg e pelo filho Chay Sued. O último capítulo da trama mostrou uma série de beijos gays numa festa de casamento. Natural, como, em pleno século 21, deveria ser.


Coisa da ficção? Que nada! Com pegada documental, o GNT exibe Histórias de adoção. Autoexplicativo o título, não? A série mostra a formação de laços familiares de diversas formas. Alguma marca de lenços de papel deveria patrocinar a atração. Deixe aflorar a emoção, as lágrimas rolarem e aplauda: em cartaz, a família brasileira como ela é na vida real: plural!

Diversão na madrugada


Luciana Gimenez e Datena garantiram boas risadas na interessante estreia de Bate e volta, terça-feira, na Band. Os dois estavam inspirados e um provocou o outro na medida certa. A Band só continua errando no horário das atrações que estreiam: o programa merecia uma faixa melhor do que a de depois do MasterChef Brasil.

Sucesso


A trama bobinha de Totalmente demais agradou em cheio ao público. A novela das 19h termina semana que vem (estranhamente numa segunda-feira, dia 31) batendo recordes de audiência na faixa.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK