Brasília-DF,
26/ABR/2018

'A Bela e a Fera' estreia neste fim de semana na televisão fechada

A Bela e a Fera foi a maior arrecadação mundial do último ano. A produção conseguiu mais de US$ 1,2 bilhões em bilheterias e agora está disponível na sua TV

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:05/01/2018 06:03Atualização:04/01/2018 16:04
O filme 'A Bela e a Fera' é uma das opções (Disney/Divulgação)
O filme 'A Bela e a Fera' é uma das opções


O conto de Jeanne-Marie Leprinc, datado de 1765, não só rendeu frutos como se tornou o mais rentável. A produção musical da Disney estreou nas telonas em março de 2017 e alcançou US$ 1.263.521,126 no mundo.
 
O sucesso financeiro do filme — que custou US$ 160 milhões — deu-se, principalmente, pela magia e nostalgia retomada da produção de 1991. O enredo, escrito por Stephen Chbosky e Bill Condon (e dirigido pelo segundo), não guarda muitas complexidades e conta a história da jovem Bela, que, ao procurar seu pai desaparecido, acaba encontrando uma verdadeira Fera.
 
O monstro é o príncipe Adam, vítima de uma maldição e preso no corpo de uma fera animalesca. Mais do que temê-lo cegamente, o bom coração de Bela a leva a perceber o homem por baixo da aparência grotesca, dando início a um amor estilo “felizes para sempre”, e enfrentando todos que possam atrapalhar seu amor, como o narcisista Gaston.
 
O elenco contou com nomes como Emma Watson (Bela), Dan Stevens (Fera), Luke Stevens (Gaston) e Emma Thompson (Mrs. Potts). 
 
A primeira versão — animada, e não em Live-action — de A Bela e a Fera estreou em 1991 e se tornou o primeiro desenho na história a ser indicado a categoria de Melhor Filme no Oscar. Com o contexto nostálgico, a versão de 2017 desbancou a produção Homem de Ferro 3 na lista dos 10 filmes mais rentáveis da história, ocupando a 10ª posição.

Serviço:

A Bela e a Fera
Domingo (7/1), às 20h, no Telecine Pipoca. Não recomendado para menores 
de 14 anos.
 

TV Aberta

Nesta sexta-feira (5/1):
 
As crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian
(Globo, 14h54)
Um ano após a primeira aventura os irmãos Lucy, Edmund, Susan e Peter retornam ao mundo de Nárnia. Lá se passaram 1300 anos desde a última visita. Durante a ausência dos irmãos, o lugar foi conquistado pelo rei Miraz, que governa sem misericórdia e que precisa ser afastado. Assim, eles reúnem os narnianos para mais uma batalha.

Neste sábado (6/1):
 
Avalanche de tubarões
(Band, 22h30)
É primavera nos campos de esqui dos Estados Unidos quando visitantes e funcionários e um resort são atacados por uma avalanche de tubarões que estão nas montanhas há muitos anos quando foram convocados pelos índios norte-americanos. Os funcionários e visitantes precisam combater os tubarões para sobreviver na neve e escapar do local.

Domingo (7/1):
 
Velocidade máxima
(Band, 22h)
Howard Payne é um psicopata que está ameaçando Los Angeles com explosivos. Jack Traven é o agente que está perto de capturá-lo. Quando Payne instala bombas em um ônibus, Jack precisa evacuar os passageiros sem reduzir a velocidade do veículo para menos de 80 km por hora. Para complicar, a motorista, Annie, nunca dirigiu um ônibus antes.

TV por assinatura


Nesta sexta-feira (5/1):
 
Um parto de viagem
(TNT, 20h49)
Peter Highman está indo de Atlanta a Los Angeles e espera chegar a tempo para o nascimento do seu primeiro filho. Mas ele é expulso da aeronave junto com Ethan Tremblay. Para piorar, acaba sem dinheiro e sem bagagem e é obrigado a pegar carona com Ethan. Eles começam a se meter em uma confusão atrás da outra e Peter começa a se perguntar se sobreviverá e se conseguirá ver o nascimento do seu bebê?

Neste sábado (6/1):
 
O Exterminado do futuro 3
(Warner Channel, 20h33)
Após a morte de sua mãe, John Connor vive como um andarilho. Todos os esforços que os dois haviam feito no filme anterior não produziram resultados. Para piorar, o SkyNet envia sua máquina mais poderosa, a T-X, para eliminar John e sua futura esposa. Mas a resistência humana não permitirá que seu líder seja liquidado e, novamente, entra em ação o ciborgue T-800 (Arnold Schwarzenegger), em uma versão ainda mais potente.

Domingo (7/1):
 
À procura da felicidade
(A&E, 18h)
Filme inédito baseado na história real de Christopher Garner (Will Smith), empresário de sucesso que chega ao fundo do poço quando é abandonado pela esposa. Apesar de perder casa e trabalho, Christopher fará tudo pelo filho (Jaden Smith), com quem chegará a viver nas ruas, mas para quem dará uma lição de ternura, persistência e fé.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK