Brasília-DF,
23/JUL/2018

Dica para quem vai ficar em casa no feriado da Páscoa: tem muito filme bom na TV

No destaque, drama 'The normal heart', de Ryan Murphy, com Julia Roberts e Mark Ruffalo, fala sobre a epidemia de Aids

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:30/03/2018 06:00
Separe os lenços, lágrimas vão rolar com 'The normal heart' (HBO/Divulgacao)
Separe os lenços, lágrimas vão rolar com 'The normal heart'


O amor é mais forte do que qualquer coisa. A principal mensagem do filme The normal heart é um verdadeiro mantra para os tempos contemporâneos. A história do jovem Ned (Mark Ruffalo), que vive em 1981, o ápice da epidemia de Aids na cidade de Nova York, provavelmente te fará ensaiar algumas lágrimas.
 
O primeiro contato de Ned com a doença, que ficou por muito tempo estigmatizada como sendo “o câncer dos homossexuais”, foi no aniversário do amigo Craig (Jonathan Groff). Após ver o amigo sair de um quadro de pequenas tonturas até uma morte por violenta convulsão e ter vários outros conhecidos passando pela misteriosa doença, Ned começa a refletir sobre como a comunidade gay está extremamente vulnerável e sem ajuda para enfrentar este mal.
 
O homem, então, busca a ajuda da médica Emma Brookner (Julia Roberts), que está ciente do problema e suspeita que a moléstia seja transmitida sexualmente. Com um grupo de amigos, Ned cria uma associação pela saúde do homem gay e luta junto ao corpo político da época por um maior cuidado a esta comunidade, sem sucesso, principalmente, pelo preconceito.
 
O preconceito, inclusive, é uma das maiores linhas de enredo do filme. Ao mesmo tempo em que uma verdadeira horda de pessoas morria em pleno sofrimento, as forças públicas ignoravam o problema por medo e ignorância. Médicos se recusaram a tratar paciente, companhias aéreas se recusavam a transportar os corpos e o poder legislativo da cidade se recusava a liberar o mínimo de recurso para pesquisas na área médica.
  

Serviço

The normal heart
HBO, domingo (1/4), às 3h40. Não recomendado para menores de 16 anos.

TV ABERTA 


Sexta 
Alvin e os esquilos 2
(Globo, 15h)
Alvin, Simon e Theodore são astros mundialmente conhecidos. Apesar disso, continuam vivendo com Dave. Durante um show em Paris, um acidente faz com que Dave se machuque seriamente, tendo que permanecer um longo período no hospital e tendo de deixar o trio sob os cuidados de um parente.

Sábado 
Risco absoluto
(Band, 1h40)
Shane Daniels esteve durante seis anos na prisão por um crime que não cometeu. Após pouco tempo em liberdade, ele é testemunha do assassinato de um policial pela máfia chinesa, que sequestraram uma menina, e Daniels aceita o desafio de resgatá-la.

Domingo 
Jecão, um fofoqueiro no céu
(TV Brasil, 1h)
Depois de Jecão ganhar na loteria, ele passa a praticar boas ações e garante um lugar no céu. Quando o caipira morre, acaba causando muita confusão no andar de cima e volta à Terra pra agitar o mundo dos vivos.

TV POR ASSINATURA 


Sexta 
Caçadores de emoção: Além do limite
(HBO Signature, 22h)
Johnny Utah é um agente do FBI que investiga crimes cometidos por atletas de esportes radicais. Utah consegue se infiltrar em um grupo suspeito após ganhar a confiança do seu líder carismático, Bodhi, sem imaginar o risco que está correndo.

Sábado 
Cavalo de guerra
(Telecine, Touch, 19h20)
De Steven Spielberg, o filme conta a história da amizade entre Albert e seu cavalo Joey. Depois de ser vendido para a cavalaria inglesa durante a Primeira Guerra Mundial, o corcel emociona ambos os lados com sua bravura. Albert se alista para recuperar seu amigo e trazer Joey de volta para casa.

Domingo 
A última ressaca do ano
(Telecine Pipoca, 21h45)
Com a morte recente do pai, os irmãos Clay e Carol Vanston disputam o controle da empresa de tecnologia por ele criada. Presidente da companhia, Clay é ameaçado por Carol, que planeja demitir todos os funcionários.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK