Brasília-DF,
23/SET/2018

13° edição do Passeio Rodas da Paz acontece neste domingo na capital

Os organizadores do evento pede que motoristas prestem mais atenção aos ciclistas

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:24/07/2015 06:00
A ONG Rodas da Paz espera reunir mais de 4 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios
 (Oswaldo Reis/CB/D.A Press)
A ONG Rodas da Paz espera reunir mais de 4 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios
Quem utiliza bicicleta em Brasília sabe que a cidade ainda está longe de ser um exemplo na criação de ciclovias e no respeito aos ciclistas. Em 2003, a organização não governamental Rodas da Paz foi criada para reagir à violência no trânsito do DF, por meio de ações para a conscientização de condutores e ciclistas. Uma delas, organizada há 13 anos, é o Passeio Anual Rodas da Paz, que vai ocorrer neste domingo, às 8h30, com saída do Museu Nacional da República.

“O passeio deste ano tem como tema A bicicleta integra a cidade. Uma das grandes reivindicações dos ciclistas é justamente conseguir unir as regiões por meio espaços apropriados a quem anda de bike”, explica a coordenadora do Rodas da Paz, Renata Florentino. Coincidentemente, a data do passeio é a mesma dos 10 anos da Lei nº 3.639/2005, que prevê a construção de ciclovias em rodovias, mas que nunca foi cumprida.

“Essa é a bandeira de destaque do evento, que é aberto ao público. Sugerimos que as pessoas façam a inscrição no site para concorrer a prêmios e brindes”, completa.

Serão dois percursos: um para as crianças, de aproximadamente 5km; e outro para os adultos, de 17km. Para fazer a segurança dos pequenos, palhaços ciclistas do Anjalhaços do Gama estarão de prontidão.

Para os adultos, a segurança será feita por cerca de 100 batedores do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar.
A expectativa de Renata é que o evento reúna de 4 mil a 6 mil pessoas.

Doe bicicleta
Além do anual, a organização tem o projeto Doe Bicicleta. Em 10 anos, já foram doadas mais de 5 mil bikes. E é possível cooperar com qualquer magrela, mesmo as que estão estragadas. A Rodas da Paz faz a recuperação e a manutenção dos itens recebidos. “A nossa última doação foi na Estrutural. Eles criaram um sistema de bicicletas compartilhadas por lá”, explica Renata Florentino.

Meio ambiente
Segundo dados da ONG, a bicicleta tem emissão zero de poluentes, enquanto que o passageiro de um carro emite em média 126g de CO2 por km percorrido, além de outras substâncias nocivas à saúde. Na EPTG, por exemplo, isso significa que,p após uma pessoa rodar 12km de carro, 1,5kg de gás carbono é liberado na atmosfera.

13 º Passeio Rodas da Paz
Domingo, às 8h30. Concentração em frente ao Museu Nacional da República. Inscrições gratuitas até hoje pelo site rodasdapaz.org. Não é obrigatório se inscrever para participar do passeio, apenas para concorrer ao sorteio de brindes e bicicletas.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES