Brasília-DF,
19/NOV/2018

Maurício Witczak e Alexandre Ribondi trazem novos espetáculos para a cidade

'Amores glaciais' e 'Uma ilha para três' prometem entreter o público brasiliense

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:06/11/2015 07:06Atualização:05/11/2015 14:18

Arte x ciência é um dos confrontos expostos em Amores glaciais (André Amaro/Divulgação)
Arte x ciência é um dos confrontos expostos em Amores glaciais

Dois experientes nomes do teatro da capital federal trazem novos espetáculos aos palcos da cidade. O dramaturgo Maurício Witczak estreia 'Amores glaciais', enquanto Alexandre Ribondi vem de 'Uma ilha para três'.

Recheado de humor, Amores glaciais apresenta o conflito entre vizinhos. Com realidades diferentes, a jornalista Beatriz e o cientista Stanley acabam representando também a dicotomia entre arte e ciência.

Já em Uma ilha para três, Leonardo Gomes e Fabrício Moser vivem tio e sobrinho que se reencontram numa ilha isolada do resto do mundo depois de 22 anos de separação. A atriz Luísa de Marillac narra a história que fala sobre relações familiares, prazer e a dor da fraternidade, e amores interrompidos.

SERVIÇO

Amores glaciais
Texto de Maurício Witczak; direção de Wol Nunnes; com Wol Nunnes e Maurício Witczak. Teatro do Brasília Shopping. Amanhã, às 21h; domingo, às 20h. Ingressos a R$ 30 (inteira). Livre para todos os públicos.

Uma ilha para três
Texto e direção de Alexandre Ribondi; com Fabrício Moser, Leonardo Gomes e Luisa de Marillac Sala Adolfo Celi (Casa d’Italia, 208/209 Sul). Hoje e amanhã, às 21h; domingo, às 20h. Ingressos a R$ 40. Não recomendado para menores de 14 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES