Brasília-DF,
15/OUT/2018

Karol Conká é atração da primeira edição do Cerrado Mix em Brasília

Além dela, Projota, Tribo da Periferia, Maskavo e 3030 também confirmam presença no festival de hip-hop e raggae

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:01/04/2016 06:30Atualização:31/03/2016 15:56

 ( I Hate Flash/Divulgação )


O festival cerrado Mix, tradicional em Goiânia, terá sua primeira edição na capital federal, amanhã, às 18h, na Orla do Net Live Brasília (SHTN, Tc. 2, Cj. 5, Lt. A). O evento contará com quatro grandes atrações ligadas ao hip-hop e a reggae music. São elas, os rappers Karol Conká e Projota, e os grupos Tribo da Periferia, Maskavo e 3030. Destes, Karol Conká e Tribo da Periferia também se apresentarão na versão goiana, hoje e amanhã, no espaço Oscar Niemeyer.


A curitibana Karol Conká chegará a Brasília embalada por sua boa apresentação no festival Lollapalooza, em São Paulo, em que foi um dos destaques do evento, principalmente, após contar com participação da funkeira MC Carol. “Eu já estava confiante que seria um bom show, que meu público estaria lá. Mas não esperava que fosse ganhar esse espaço no festival. Acho que foi justo ter uma representante do rap”, contou ao Correio.


De volta à capital, Conká apresentará os principais hits, como Tombei, Lista vip e É o poder, além da inédita Maracutaia e de um momento “karaokê”, em que fará covers de artistas internacionais. “Abrirei esse espaço para fazer versões de pessoas que eu adoro, acho que Brasília merece.”


Os ingressos custam R$ 50 (meia) e R$ 100 (inteira). À venda nas lojas Bilheteria Digital e Setemares. Não recomendado para menores de 16 anos.


Duas perguntas Karol Conká

Como é a sua relação com a cidade e o público?

Eu gosto muito de Brasília, muito mesmo. Todos os eventos em que fui chamada tinha um público muito interessante e interessado. Acho que a capital tem uma coisa com a arte, com a cultura, uma disposição para o novo. A galera gosta de música. Sou fascinada por isso. Tenho muito carinho por Brasília e as pessoas me recebem como se eu fosse brasiliense.

Você tem sido citada por muitos sites internacionais. Pensa em seguir carreira lá fora?

Eu tenho público na Europa, já fiz show lá fora. Eu pensei em me dedicar a uma carreira internacional, mas depois percebi que era preciso me firmar no Brasil como artista nacional. Não quero perder as raízes do Brasil para me aventurar no show business internacional.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES