Brasília-DF,
17/JUL/2018

Kripta music festival chega a Brasília este sábado; conheça os artistas

O festival de música eletrônica foca no estilo brazilian bass e recebe DJ Bhaskar e outros nomes

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:15/09/2017 06:00Atualização:15/09/2017 09:59
Irmão de Alok, o DJ Bhaskar é o grande nome do evento (Objetiva Comunicação/Divulgação)
Irmão de Alok, o DJ Bhaskar é o grande nome do evento

 
O Kripta music Festival chega à terceira edição sábado (16/9), a partir das 16h, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha (Eixo Monumental). Valorizando o cenário de música eletrônica nacional, o evento terá como foco a vertente brazilian bass. “Tivemos anos atrás um momento forte da música eletrônica, que está voltando com o sucesso do brazilian bass. E nosso objetivo com o festival é priorizar os artistas locais e nacionais”, define Auro Carvalho, um dos idealizadores do festival ao lado de Kleiton Araújo.
 
Do cenário nacional, o grande nome é o DJ Bhaskar, irmão de Alok. Nascido em Goiânia, mas criado em Brasília, Bhaskar apresentará uma mistura de brazilian bass, house e techno com influências de diversos estilos musicais. “Hoje em dia acho que a música eletrônica está bem abrangente. Existem segmentações, mas acho que o segredo é inovar, misturar gêneros e tentar sair da curva”, afirma. Sem tocar na cidade há bastante tempo, o DJ promete mostrar os mais recentes trabalhos, como Infinito particular, Fuego e This city. “Eu sempre falo que Brasília é um dos lugares que eu mais gosto de tocar. Por mais que eu more aqui, não toco muito na cidade. Gosto de esperar momentos especiais. Para o Kripta vou trazer um set com o que tenho feito hoje em dia”, adianta.


 
Completam o line-up do festival nomes como Vinne, outro representante do brazilian bass, Raul Mendes, Selva, Joy Corporation, Thiago Secchi, Drop Dealer, Blue Rose, Bruno Freitas e Duo Champ. Além disso, o Kripta Music contará uma atração internacional, o DJ francês Arno Cost, que tem remixes como Rising love, Nigh tventure e Apocalypse.
 
A expectativa é de que o evento receba um público de quatro mil pessoas. De acordo com o produtor Aurto Carvalho, a intenção é de que o festival passe futuramente por outras cidades brasileiras, como Goiânia, Fortaleza, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo. Ingressos a R$ 70 (área VIP) e R$ 100 (front stage). Valores de meia-entrada e sujeitos a alteração. Não recomendado para menores de 18 anos. 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES