Brasília-DF,
16/DEZ/2018

Raquel Nava propõe experiência taxidérmica em nova exposição

Alimentos e animais do acervo da UnB viram obras de artes pelas mãos de Raquel Nava, em Apresuntados

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Nahima Maciel Publicação:24/08/2018 06:03Atualização:23/08/2018 18:24

Raquel Nava reflete sobre hábitos alimentares na mostra Apresuntados (Diego Bresani/Divulgação)
Raquel Nava reflete sobre hábitos alimentares na mostra Apresuntados

 

Apresuntados nasceu de uma experiência que começou no Museu de Anatomia Veterinária da Universidade de Brasília (UnB). Foi lá que a artista Raquel Nava aprendeu taxidermia e desenvolveu uma residência artística em parceria com o taxidermista César Leão, o que possibilitou chegar às imagens apresentadas a partir de amanhã na Alfinete Galeria. 

 

São três séries de fotografias nas quais Raquel reflete sobre a indústria da alimentação e sobre o processamento dos animais consumidos diariamente. “Muitas pessoas interpretam como uma crítica à alimentação, mas o trabalho não tem essa intenção de ser uma observação ética sobre saúde”, avisa a artista. 

 

“É mais sobre como os animais chegam ao mercado de forma disforme”. As fotografias realizadas por Diego Bressani são dirigidas por Raquel, que monta as cenas usando os alimentos e animais do museu da UnB.

 

Serviço

Apresuntados

De Raquel Nava. Alfinete Galeria (116 Norte Bloco B Loja 61). Visitação até 5 de setembro, de segunda a sábado, das 16h às 20h. Entrada franca. 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES