Brasília-DF,
17/DEZ/2018

No Riacho Fundo, mostra de teatro leva a dilemas existenciais

Com o intuito de levar encenações de repercussão nacional e internacional para o Riacho Fundo, a Mostra Internacional de Teatro do Fundão apresenta neste fim de semana três espetáculos.

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
João Paulo Zanatto* Publicação:26/10/2018 06:02

'Inominável' faz parte da programação da Mostra Internacional de Teatro do Fundão (Diego Bresani/Divulgação)
'Inominável' faz parte da programação da Mostra Internacional de Teatro do Fundão

 

Nesta sexta, Ana Luiza Bellacosta encarna a Madame Froda, em Madame Froda: In (quase) concert. Madame Froda é uma palhaça desconhecida que fará a primeira apresentação pública, ela conta com um repertório recheado de músicas que ela acha que são clássicas. 

 

No sábado será a vez de a Companhia Dois Tempos apresentar Inominável.  “A gente trabalha com memórias, vivências e experiência. Os atores ensaiam certas coisas mas, ao ter o contato com o espectador, já surge uma nova dramaturgia, e só quem sabe da cena são os dois”, conta a diretora Jordana Mascarenhas. 

 

Diretamente do Rio Grande do Norte, Alexandre Américo traz o espetáculo Myoclonus, no domingo. 

 

A obra consiste em um intenso estudo sobre a maneira de mover, ser, existir no mundo a partir do impedimento da realização da dança por conta de um traço que o bailarino carrega que deveria impossibilitar o movimento dançado: a epilepsia.

 

*Estagiário sob a supervisão de Vinicius Nader

 

Serviço

Mostra Internacional de Teatro do Fundão

Salão comunitário do Riacho Fundo (QS 6, Lt 6, Riacho Fundo I). Sexta, às 20h. Sábado, às 18h. Domingo, às 20h. Entrada franca. Não recomendado para menores de 14 anos. 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES