Brasília-DF,
20/FEV/2019

Musical 'Lisbela e o prisioneiro' fica em cartaz na Funarte até domingo

A peça, escrita originalmente por Osman Lins em 1964, traz uma história de amor que promete agradar fãs do longa-metragem e novos espectadores

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Tarcila Rezende - Especial para o Correio Publicação:16/11/2018 06:00Atualização:16/11/2018 09:27
 Cena do espetáculo 'Lisbela e o Prisioneiro ? O Amor É Filme!' (Leonardo Avelar/Divulgação)
Cena do espetáculo 'Lisbela e o Prisioneiro ? O Amor É Filme!'


Baseada no filme homônimo de 2003, o musical Lisbela e o prisioneiro — O amor é filme! será apresentado na Funarte neste fim de semana. A peça, escrita originalmente por Osman Lins em 1964, traz uma história de amor que promete agradar fãs do longa-metragem e novos espectadores.

O musical conta a história de Lisbela, garota do interior de Pernambuco que sonha em ser artista de cinema, que está de casamento marcado com Douglas, rapaz rico e metido a carioca. Tudo muda quando a jovem conhece Leléu, artista mulherengo que nunca se apaixonou e que viaja pelo Nordeste com sua caravana de atores —  a Caravana da Anunciação.

Lisbela e Leléu se identificam no amor pelo teatro e, juntos, passam a viver uma paixão que precisa enfrentar diversos empecilhos, como uma mulher que se apaixona por Leléu, e seu marido, Frederico Evandro, um matador de aluguel temido em todo o Nordeste.

Para compor o musical, o espetáculo traz canções retiradas da trilha sonora do filme, como Zé Ramalho, Caetano Veloso e Alceu Valença, e outras acrescentadas especialmente para a montagem. 

Serviço 

Lisbela e o Prisioneiro — O Amor é filme!
Teatro Plínio Marcos (Funarte). Neste sábado (17), às 15h30 e 19h, e domingo, às 15h30 e 18h30. Ingressos a R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia). Não recomendado para menores de 12 anos

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES