Brasília-DF,
20/JUL/2019

Coletivo de arte traz peça inspirada em Shakespeare para Brasília

O espetáculo está marcado para o Parque da Cidade e acontece a céu aberto

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Melissa Duarte* Publicação:10/05/2019 06:01Atualização:09/05/2019 17:19
O projeto reúne personagens de três peças de Shakespeare e ainda leva o dramaturgo ao palco (Thiago Sabino/Divulgacao)
O projeto reúne personagens de três peças de Shakespeare e ainda leva o dramaturgo ao palco


O espetáculo Hipóteses para Shakespeare a céu aberto, do BR SA Coletivo de Artistas, fala de amor dentro de uma releitura do trabalho do autor inglês.

William Shakespeare (1564-1616). Os personagens de Romeu e Julieta e de Hamlet se encontram em cena e ganham novos contornos. "Em tempos de crises, é importante falar de amor para trazer esperança", reflete o diretor Denis Camargo.

Os protagonistas recriam as histórias num cenário de vida após a morte e podem mudar o próprio destino. Segundo o diretor, a ideia nasceu de hipótese de troca de casais: e se Hamlet se apaixonasse por Julieta e Romeu, por Ofélia?

Além disso, a obra é de metalinguagem: os personagens "discutem as origens da dramaturgia e da tragédia". O gosto pelo teatro grego também vem do doutorado em artes cênicas na Universidade de Brasília (UnB), no qual estudou a tragédia Édipo rei, do grego Sófocles.

"Para a gente, é um grande prazer voltar", comenta. A apresentação marca não apenas seis anos de estreia da peça — um dos maiores sucessos do coletivo —, mas também os 10 anos de surgimento do grupo. O elenco original, com Ana Vaz, Luciana Matias, Medro Pesquita e Pedro Caroca, volta à cena e traz às ruas, ainda, a personagem icônica Lady Macbeth, da tragédia Macbeth, e o próprio Shakespeare.

Para Camargo, que também é professor de teatro no Iesb, o teatro de rua garante maior acesso e interação com o público. "É acessível à pessoa mais ingênua e à pessoa mais culta", analisa.

*Estagiária sob supervisão de Vinicius Nader

Serviço
Hipóteses para Shakespeare a céu aberto
Parque Ana Lídia (Parque da Cidade, ao lado da administração). Sábado (11/5), às 20h, e domingo (12/5), às 19h. Entrada franca. Classificação indicativa livre.


COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES