Brasília-DF,
17/AGO/2019

Exposição no Museu Nacional traz arte chinesa para Brasília

Panorama mostra pinturas, aquarelas e esculturas produzidas naquele país

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Nahima Maciel Publicação:24/05/2019 06:02Atualização:23/05/2019 18:24

A relação entre homem e natureza é tema constante em 'Arte e paz' (Rayan Ribeiro/Divulgação)
A relação entre homem e natureza é tema constante em 'Arte e paz'

 

Com o objetivo de aprofundar o intercâmbio cultural e de divulgar a arte da China, a exposição Arte e paz — Obras contemporâneas chinesas leva ao Museu Nacional da República pinturas, aquarelas e esculturas de artistas como Ju Shi, Sun Tao, Guo Xincong, Chen Mengxin, Li Jifei e Li Jing.

 

Espécie de embaixadora da produção chinesa atual, a exposição tem obras que são fruto da mescla das referências tradicionais da cultura chinesa com as inquietações contemporâneas que pontuam arte no mundo inteiro. A diversidade é a marca da mostra, mas há sempre um diálogo costurado com a ideia de que é necessária uma simbiose entre homem e natureza para manter a harmonia e o equilíbrio no planeta. Quando esse diálogo ocorre — e muitos dos artistas o evocam em suas produções —, seria possível atingir a paz.

 

No total, 30 pinturas e aquarelas e nove esculturas ajudam a delinear a mostra, organizada pela Associação de Arte Chinesa e pela Quatro Produções. Além de vir dos ateliês dos próprios artistas, boa parte das obras expostas estiveram em mostras importantes, como a Bienal Internacional de Arte de Beijing e Know one another – Sino-foreign fine art exhibition.

 

Serviço

Arte e paz – Obras contemporâneas chinesas

Museu Nacional da República (Eixo Monumental). Visitação até 16 de junho, de terça a domingo, das 9h às 18h30. 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES