Brasília-DF,
16/JUL/2019

'Afeto', nova peça do Grupo Embaraça, discute a solidão da mulher negra

Grupo Embaraça volta aos palcos debatendo as relações femininas construídas em diferentes momentos da vida

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:14/06/2019 06:13Atualização:13/06/2019 18:46
 (Diego Bresani/Divulgação)
 
Conhecido por levar aos palcos questões étnico-raciais, o Grupo Embaraça voltou a debater o assunto em uma nova temporada. Desde a última quarta-feira, as atrizes Fernanda Jacob e Tuanny Araújo levam aos palcos do Distrito Federal uma discussão sobre a afetividade na vida das mulheres negras.

Com texto das próprias atrizes e provocação cênica de Jonathan Andrade, o espetáculo Afeto nasceu de uma inquietação da companhia teatral sobre o assunto. "Já era um tema que a gente queria abordar há um tempo. Mas só teve oportunidade agora. No palco, a gente traz a afetividade na vida da mulher negra, como são as relações construídas na infância, na adolescência, na vida adulta, desde as relações sexuais até as mais afetivas e amorosas", revela Tuanny.

De acordo com Tuanny, a peça se inspira em histórias vivenciadas por elas duas e ainda por outras pessoas reveladas em depoimentos. "A gente percebe na trajetória e nos relatos fragilidades por dinâmicas racistas. A gente vê que isso faz parte da vida da mulher negra. A maioria delas sempre têm uma história para contar, uma falta de par na festa junina quando se é criança. Na adolescência, as negras não têm tantos amigos e, já adultas, elas são preteridas nos relacionamentos, muito por um padrão embranquecido", analisa.

Levantar esse tipo de debate da solidão feminina negra é o grande objetivo de Afeto. E, mais do que isso, a dupla de atrizes quer, por meio do espetáculo, abrir os olhos do público e também mostrar a essas mulheres que há um lugar de cura. "A gente entende que é preciso falar e refletir sobre isso. É preciso se questionar: quantos amigos negros você tem ou já teve? Por quantas mulheres negras você já se apaixonou de fato e assumiu os relacionamentos? Tudo isso é baseado em pesquisas, um estudo profundo que não vem de hoje", comenta.

Assim como as montagens anteriores do grupo, Afeto conta com uma banda ao vivo em cena, composta pelas musicistas Letícia Fialho (guitarra), Anne Caroline Vasconcelos e Fernanda Pinheiro (percussão). O espetáculo também conta com vídeo mapping feito por Mari Mira.

Serviço
Afeto
Sesc Estação (504/504 Sul; 3217-9101). Sábado (15/6), às 20h. Domingo (16/6), às 19h. Espetáculo Afeto, do Grupo Embaraça, protagonizado e escrito por Fernanda Jacob e Tuanny Araújo. Provocação cênica de Jonathan Andrade. Ingressos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Doadores de 1kg de alimento não perecível ou um agasalho pagam meia-entrada. Não recomendado para menores de 16 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES