Brasília-DF,
01/OUT/2020

Espetáculo 'João, o alfaiate' investe na mímica e em visual deslumbrante

Companhia Etc. e Tal conta histórias baseadas na obra dos irmãos Grimm

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Devana Babu* - -- Publicação:06/12/2019 06:06Atualização:05/12/2019 19:39

João, o alfaiate: Um herói inusitado conta a história de um costureiro que é confundido com um herói
 (Rafael Bisbis/Divulgação)
João, o alfaiate: Um herói inusitado conta a história de um costureiro que é confundido com um herói

 

Baseado em pesquisa sobre os contos dos irmãos Grimm, a companhia de teatro carioca Etc. e Tal volta aos palcos de Brasília com o espetáculo João, o alfaiate: Um herói inusitado, que conta a história de um costureiro que é confundindo com um herói ao matar sete moscas e sair gritando: "Matei sete!", em um universo assombrado por seres fantásticos. Sua fama chega até o rei, que o contrata, e ele é obrigado a fazer jus à fama involuntária.

"É uma típica história de telefone sem fio", conta o diretor e ator Álvaro Assad. Fundador da companhia que, em 27 anos de estrada, acumulou 10 espetáculos no repertório, Assad goza de reputação no mundo da mímica, técnica que dá o tom deste e de outros espetáculos do grupo. Mas a montagem vai muito além disso: "Muitas vezes confundem, achando que, como trabalhamos com mímica, os espetáculos são puramente gestuais. Não é verdade. Há todo um trabalho com o visual, cenário, visagismo, figurino e trilha”, ressalta.

Ou seja, além da elaborada maquiagem e caracterização que torna os atores quase irreconhecíveis, chamada de visagismo, o trio formado por Assad e os atores Marcio Moura e Melissa Teles-Lôbo contam, ainda, com o apoio cênico do som, do figurino bem elaborado e um visual deslumbrante, composto por um painel giratório, como se fosse um livro, em que cada página se torna uma floresta, um castelo, uma alfaiataria ou uma carruagem. "O interessante é que a gente trabalha com projeções de desenhos em 2D, mas a maneira como a gente manipula essas imagens gera uma impressão de 3D”, conta o diretor.

No ano passado, Assad trabalhou com Rodrigo Santoro na preparação do ator para encarar o personagem Louco, do filme Turma da Mônica — Laços, de Daniel Rezende. Neste ano, trabalha mais uma vez com o ator, para um filme que será rodado nos Estados Unidos, e com o diretor, na série Ninguém tá olhando, da Netflix.


Serviço

João, o alfaiate: Um herói inusitado
Teatro Brasília Shopping (SCN Q. 5 Bl. A; 2109-2122). Sábado (7/12), às 16h e às 18h, e domingo, às 16h. Espetáculo da Cia carioca Etc. e Tal baseado em conto dos irmãos Grimm. Ingressos a R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia-entrada), à venda na bilheteria do teatro ou pelo site www.eventim.com.br. Classificação indicativa livre.

 
*Estagiário sob supervisão de Igor Silveira 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES