Brasília-DF,
27/SET/2020

Festival VIVA une estilos musicais e recebe a banda Lagum

Além do quinteto, Dj Shark e Dj GBR se apresentarão no festival

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:24/01/2020 06:02Atualização:23/01/2020 20:13
Em mais um dia de festa, o Festival VIVA une estilos musicais diferentes e recebe a banda Lagum (Sony Music/ Divulgação)
Em mais um dia de festa, o Festival VIVA une estilos musicais diferentes e recebe a banda Lagum
Na orla do lago paranoá, o Festival de verão VIVA prova que Brasília é a capital de todos os ritmos. Em mais um fim de semana de festa, o evento reúne o Dj Shark, a banda Lagum e o Dj GBR de rave funk no domingo.

O quinteto mineiro chega à cidade para apresentar o mais novo trabalho, Coisas da geração. Com faixas que não se limitam a um único gênero, Lagum percorre do pop oitentista ao reggae, passando pelo rap-melody, rock, entre outros no álbum. A mistura de sonoridades é resultado das influências pessoais dos integrantes Pedro (vocal), Otávio (guitarrista), Chicão (baixista), Jorge (guitarrista) e Tio Wilson (baterista).

Além do repertório do novo álbum, o grupo prepara para o VIVA um show singular, conforme adiantaram ao Correio Pedro e Jorge. “A gente tem se renovado a cada show, tentado fazer coisas inéditas, no improviso, na hora. Essa espontaneidade é o grande segredo. Tentar fazer cada show ser muito único, de acordo com o público, de acordo com a cidade”, comenta o vocalista. “Com certeza, o ponto alto, em Brasília, é o fato de a gente vir de uma semana de muito trabalho, em estúdio, e isso, enquanto músicos, enquanto pessoas, fortalece muito nossa união, nossa amizade, nosso entrosamento. E isso sempre reflete positivamente no palco”, acrescenta Jorge.   

Os fãs brasilienses podem ficar tranquilos porque os sucessos que marcam a carreira da jovem banda, como Deixa, Bem melhor e Não vou mentir, também estarão no set list. A sensibilidade, presente em cada música, com temas que abordam questões do dia a dia dos músicos, é uma maneira de eles estabelecerem um diálogo constante com o público. “A gente toca nessas questões porque é uma coisa muito natural, é o que a gente vivencia, é o que a gente sente”, conta Pedro.

Depois de um ano movimentado para os artistas, eles adiantam a chegada de outro álbum e muitos clipes em 2020. “Podem esperar que vem uma coisa muito genuína, muito verdadeira. Tentamos inovar quanto à sonoridade e continuamos falando sobre nossas verdades”, conclui o vocalista.

Serviço
Festival VIVA
Pontão do Lago Sul. Domingo, a partir das 16h. Com shows da banda Lagum, do Dj GBR e do Dj Shark. Entrada a R$ 71 (meia) e 191 (inteira). Doadores de 1kg de alimento não perecível pagam meia-entrada. À venda no aplicativo da R2 Produções. Não recomendado para menores de 18 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES