Brasília-DF,
19/SET/2017

Atriz Maria Ribeiro volta nesta quarta-feira ao programa Saia justa

Ela pode ser vista também na reta final de Império, dirige documentário sobre Los Hermanos e lançou um livro

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Rebeca Oliveira Publicação:01/03/2015 06:05Atualização:27/02/2015 12:19
Maria Ribeiro leva temas íntimos como a depressão da mãe ao sofá do Saia justa
 (Fernando Young/Divulgação)
Maria Ribeiro leva temas íntimos como a depressão da mãe ao sofá do Saia justa
O programa Saia justa é uma das atrações mais longevas do GNT. No ar há 13 anos, ganhou novo fôlego com a formação atual, quando a apresentadora Astrid Fortenelle, a jornalista Bárbara Gancia, e as atrizes Mônica Martelli e Maria Ribeiro entraram no ar, em 2013. Sexo, aborto, biografias não autorizadas, vício em internet… Tudo vira pauta na atração que, em boa fase, terá uma nova temporada a partir da próxima quarta-feira.

O sucesso, em grande parte, tem nome e sobrenome: Maria Ribeiro. No sofá, a atriz, jornalista, cineasta e escritora é pautada por comentários irônicos - como quando falou que troca livros por horas no Instagram - e relatos de caráter intimista. "Às vezes dói. Uma vez contei que minha mãe tinha depressão e isso é muito pessoal, mas quando coloco na balança o meu receio da exposição e o benefício de falar abertamente sobre um assunto tão pouco discutido, acho que vale o risco", afirma.

Prestes a completar 40 anos, Maria também diz não ter medo de se expor com as confissões que faz no Saia justa. "Não penso muito nisso. Não sou descolada a ponto de ser um ícone fashion, nem culta o suficiente para ser considerada uma intelectual. Eu tento não me levar a sério", revela, em entrevista ao Divirta-se Mais.

Dividida entre a divulgação do livro de crônicas 38 e meio, os preparativos finais para a entrada do documentário sobre a banda Los Hermanos em circuito nacional, os textos para a revista TPM e as gravações na novela Império (na qual interpreta a ambiciosa Danielle), Maria confessa: "estou exausta". Ainda assim, não pretende parar tão cedo.

Caio Blat e Maria Ribeiro contracenam juntos em Império ( Renato Rocha Miranda/TV Globo)
Caio Blat e Maria Ribeiro contracenam juntos em Império
Na tevê e na web
Para a atriz, o futuro da televisão esbarra em ferramentas que o Saia justa já tem explorado. Caso da interação entre as apresentadoras e o público das redes sociais, como Twitter e Facebook. Sobre os comentários maldosos que às vezes lê na web, diz não se importar. "Eu sofria quando alguém não entendia uma ironia, mas agora acostumei... Não dá para agradar todo mundo."

Pede para sair!

Maria Ribeiro não se incomoda por ser, até hoje, chamada nas ruas de Rosane, ou "a mulher do capitão Nascimento", do filme Tropa de Elite. "O filme foi importantíssimo, fala do paradoxo brasileiro da cordialidade e da violência. E mostra como ainda temos a necessidade infantil de um herói, mesmo que seja torto."

Cult e no horário nobre
Jornalista por formação e cineasta por opção (são dela os documentários Domingos, sobre a vida e a obra de Domingos de Oliveira; e Este é só o começo do fim das nossas vidas, sobre a banda Los Hermanos), Maria não enxerga as telenovelas como um produto cultural de menor valor artístico. "Talvez o futuro das novelas seja uma diminuição do número de capítulos e uma interação maior com a internet. Mas não acho nossa dramaturgia desvalorizada", pontua.

Boa forma

Elogiada pelo corpo enxuto, Maria confessa que não é do time de whey protein e derivados, embora admita ser viciada em compras. "Eu neguei minha feminilidade até os 30 anos. Até hoje não faço ginástica nem estou sempre com a unha em dia, mas sou apaixonada por moda, realmente é um tema que me faz feliz."

Rumores

Na última semana, o jornal carioca Extra anunciou que o casamento de Maria Ribeiro com o ator Caio Blat (o Zé Pedro de Império) terminou. Após oito anos de relacionamento, o casal teria brigado nos bastidores da novela e deixado um clima de tensão. A atriz não se pronunciou sobre a notícia e, rapidamente, tentou demonstrar o contrário: na quarta-feira, foi vista trocando gestos carinhosos com Caio.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Lucia Teixeira 02de Março às 18:10

Acho que ela é muito chata e sem graça. No Saia Justa ela fica completamente embotada pelas outras três...quase nem abre a boca.

[Denunciar]

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK