Brasília-DF,
25/JUN/2018

Dançar salsa diverte e é um ótimo exercício físico, além de estreitar as relações pessoais

Confira nosso roteiro e lugares onde praticar

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:28/11/2014 07:00Atualização:27/11/2014 15:05
Aos passos de salsa, a timidez é deixada de lado pelos alunos 
 (Daniel Ferreira/CB/D.A Press )
Aos passos de salsa, a timidez é deixada de lado pelos alunos
Há sete anos, Pedro Mariano, 29 anos, tinha o primeiro contato com a salsa. O então estudante de relações internacionais se interessou por balançar o esqueleto quando viu pessoas praticando a dança em aulas na Universidade de Brasília e resolveu participar. Atualmente, é professor há três anos no projeto Corazón Salsero, que oferece atividades multidisciplinares e promove a cultura latino-americana. "Não pretendia ser professor quando comecei, mas a salsa é uma atividade tão cativante que te prende de uma forma boa. Diria que é uma dança social", afirma.

Pedro destaca que a salsa aumenta o ciclo social das pessoas. "Percebo que alguns alunos começam as aulas de forma tímida, inibida, e saem daqui com outra personalidade", afirma. Outro ponto benéfico ressaltado pelo professor é o gasto calórico proporcionado pela dança, que segundo ele, chega a gastar mais que o dobro de uma aula de samba de gafieira, por exemplo. "Eu emagreci bastante desde que comecei a dançar. E não é só o peso. A postura melhora bastante. Fazendo aula duas vezes por semana e saindo uma vez para dançar, já é possível observar ótimos resultados", explica.

Tainá Andrade não conhecia quase ninguém quando chegou a Brasília. Começou a participar das aulas do grupo na UnB e achou aquela que seria sua segunda família. "Quando cheguei, senti dificuldade de conhecer pessoas. Esse grupo me ajudou demais", relembra. A estudante de comunicação afirma que encontrou na salsa uma atividade que lhe ajudou a manter a forma física, já que não tem o hábito de ir à academia para fazer musculação. "Consigo manter meu peso, não sinto dores no corpo. É ótimo", garante.

Onde praticar

Academia Bodytech

SCES Trecho 2, Conjunto 36; telefone 3224-4149. Mensalidade de R$ 525 no plano Fitness, que dá acesso a todos os equipamentos e aulas coletivas.


Corazón Salsero
MASC, Campus Darcy Ribeiro da Universidade de Brasília – (horários variados, mais informações no facebook). Informações: Pedro Mariano (8450-3836). R$ 40 (alunos da UnB) e R$ 70 (não alunos).


Studio de Dança by C.I.A

Clube dos Previdenciários (712/912 Sul); telefone 3345-6924. M ensalidade de R$ 130 (não sócios) para aulas duas vezes por semana.


Companhia de Dança Marcelo Amorim
710 Norte, Bloco A; telefone 3274-9261. Mensalidade de R$ 147 para aulas duas vezes por semana.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES