Brasília-DF,
25/JUN/2018

Espetáculo 'Ladrão de mim' ocupa espaços não convencionais da cidade

Teatros e bibliotecas públicas fazem parte da lista de locais por onde o projeto passa

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Isabella de Andrade - Especial para o Correio - Publicação:20/05/2016 06:30Atualização:19/05/2016 14:20
A montagem faz parte da pesquisa de mestrado de Lucianna Mauren (Thiago Sabino/Divulgaçao)
A montagem faz parte da pesquisa de mestrado de Lucianna Mauren
 
A proposta da peça Ladrão de mim, idealizada por Lucianna Mauren, é levar ao público uma experiência teatral compartilhada dentro de uma instalação videográfica, sonora e visual, que circulará por teatro e bibliotecas públicas do DF. Ao escolher espaços não convencionais para as apresentações, a artista pretende se aproximar mais do público e conectar espectadores e cena de maneira sensível. O espetáculo vai percorrer espaços diversos e foi construído para transitar entre realidades e ficção, mostrando as vivências de uma personagem solitária.
 
A montagem faz parte da pesquisa de mestrado de Lucianna Mauren e vem sendo desenvolvido desde 2008. Para a artista, “as várias formas de amor podem revelar as fragilidades da existência humana”.
 
Outros elementos contribuem para a aproximação com o público, como uma videoinstalação com composições de imagens criadas pela professora da Universidade de Brasília Roberta K. Matsumoto e áudio de João de Lucas. A instalação fica aberta ao público também fora dos horários de apresentação, e a ideia é representar os espaços de uma casa.

Serviço
Ladrão de mim
Biblioteca Pública de São Sebastião. Hoje, às 20h. Entrada franca. Não recomendado para menores de 16 anos. Informações: 8538-2812.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES